Menu

Características de um mordomo cristão

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on email

“O que se requer dos despenseiros é que cada um deles seja encontrado fiel.”1 Coríntios 4:2

Um mordomo é aquele a quem é incumbido de cuidar e governar os tesouros do seu senhor, uma figura essencial, mas que entende seu papel e o seu lugar na casa e que não busca reconhecimento pessoal.

 Desde o Éden, encontramos ensinamentos sobre o princípio da mordomia, quando Deus confiou a Adão a missão de cuidar, administrar e exercer domínio sobre toda criação. (Genesis 2:15) Este princípio se estende até o Novo Testamento com os ensinamentos e exemplo de Jesus, e também somos chamados a essa pratica de cuidar bem daquilo que nos foi confiado. (1Pedro 2:21) E através desse chamado somos convocados a administrar com sabedoria tudo aquilo que foi entregue em nossas mãos como: os dons, os talentos, os recursos, o conhecimento, o tempo, as finanças, os relacionamentos, o meio ambiente e até mesmo o nosso corpo, e por isso, é essencial refletirmos se nossas atitudes e escolhas estão alinhadas com os princípios de uma boa mordomia, reconhecendo que tudo o que temos e somos pertence ao Senhor.

 A Bíblia nos alerta que um dia prestaremos contas a Deus por tudo o que nos foi confiado. Este lembrete ressoa como um chamado urgente, para que não venhamos perder o foco de buscar a orientação do Espírito Santo para servir com excelência e dedicação. (Mateus 25:14-30 / Lucas 19:11-27 / Romanos 14:12 / 2 Coríntios 3.4-5)

Um mordomo fiel no servir apresenta diversas características que merecem destaque e reflexão em nossa prática de mordomia. A seguir, vamos abordar algumas delas:

  1. Responsabilidade: um mordomo é responsável por administrar e cuidar dos bens do seu senhor, sempre atento aos detalhes, busca identificar e se antecipar as necessidades e conduz tudo de forma diligente.
  2. Dependência: um mordomo apesar de exercer um papel importante no gerir os bens de alguém, reconhece que nada lhe pertence e que depende da graça e da bondade do seu senhor em todas as coisas.
  3. Fidelidade: um mordomo, mantém-se fiel aos seus princípios e aos interesses daquele a quem serve, demonstrando lealdade e integridade a esses princípios em todas as áreas e até mesmo diante de desafios ou adversidades.
  4. Influência: um mordomo compreende que suas ações, escolhas e exemplo influenciam nos afazeres e no ambiente ao seu redor. Ele compreende sua capacidade de melhorar as coisas e inspirar pessoas, contudo, entende que essa influência deve estar submissa a vontade de seu senhor, em vez de seguir suas pretensões pessoais.
  5. Amor: um mordomo demonstra amor, zelo e generosidade em suas ações de servir, buscando conectar-se de maneira significativa as pessoas às quais serve, mostrando interesse sincero em seu bem-estar e provendo para suas necessidades.

Aplicando essas características no servir ao ministério infantil, nos tornamos mordomos responsáveis em dedicar todo nosso empenho no cuidado com os pequeninos, que são preciosos tesouros do Senhor.

Que o nosso foco seja em conectar seus corações com o coração de Deus, através da oração e dos ensinamentos, para que compreendam e vivam em um relacionamento profundo com o Pai, entendendo suas identidades de filhos amados. Além disso, ao preparar o ensino que será compartilhado, temos a incumbência de guiar as crianças no zelo com a Palavra de Deus, despertando-as não apenas para o entendimento das histórias bíblicas, mas em viverem experiências genuínas, restauradoras e cheias de esperança que as Escrituras proporcionam.

(Provérbios 22:6)

As crianças representam o futuro da Igreja e da sociedade. Como bons mordomos e educadores, devemos nos dedicar com amor e buscar a orientação do Espírito Santo para ministrá-las e ajudá-las a alcançarem todo o seu potencial e os seus propósitos.

Assim, sermos bons despenseiros nessa importante missão de servir. (1Pedro 4:10) Que cada gesto, cada palavra e cada ensinamento sejam oportunidades para plantar sementes de amor, alegria, sabedoria nos corações das crianças, nutrindo assim um futuro repleto de esperança e bondade.

E que todo esse conhecimento nos inspire a viver cada momento com um profundo senso de propósito e responsabilidade, conscientes da importância de cada escolha e ação em nossas vidas, que cada ato do nosso servir, nos esforcemos para dar o nosso melhor para refletir a Cristo e que seja para a Glória de Deus.

Que Deus nos capacite, direcione e nos abençoe!

Publicações Relacionadas

Artigos Kids
Profa. Catia Persan

O Servo da orelha furada

Série de artigos sobre Mordomia Cristã Então tomarás uma sovela, e lhe furarás a orelha contra a porta, e ele será teu servo para sempre;

Leia mais
Planos de Aula
INTERLIGADOS KIDS ADVEC SEDE -RJ

Recursos visuais

Conscientização do Carnaval Texto áureo : Mateus 12.33b , versão indicada : NHTL

Leia mais

Outras Publicações

Planos de Aula
Alessandra Brandão

Moldes para lembrança do Dia dos Pais

Segue abaixo ideias simples e fáceis para serem confeccionados pelos próprios alunos e entregue aos pais. Porta caneta : Material : -1 caneta -Canetinha preta

Leia mais
Berçário
Clara Denise

Berçário: Jesus é nosso pastor

Profa.: Clara DeniseIgreja: ADVEC Sede RJTurma: 0 até 02 anosTema: Páscoa Objetivo: Estimular com a musicalização a introdução do conceitoverdadeiro da Páscoa. Louvores utilizados: https://www.youtube.com/watch?v=f0K92JNlgVQhttps://www.youtube.com/watch?v=gZXManvOUL8https://www.youtube.com/watch?v=dV2kQ8PVkYUhttps://www.youtube.com/watch?v=wc7SDc_FMyM

Leia mais